Fórum Brasil de Comunicação Pública


Abertas as inscrições para o Fórum Brasil de Comunicação Pública – 13 e 14 de novembro, Brasília

FórumBrasilCom os objetivos de articular emissoras do Campo Público e capacitar organizações para intervir nas políticas públicas e na regulação do setor, visando ao fortalecimento do Sistema Público de Comunicação no país, o Fórum Brasil de Comunicação Pública acontece em Brasília, nos dias 13 e 14 de novembro. Organizado pela FrenteCom (Frente Parlamentar pela Liberdade de Expressão e o Direito à Comunicação com Participação Popular) e pela Secretaria de Comunicação da Câmara dos Deputados, o evento acontece no auditório Nereu Ramos e conta com a parceria de diversas entidades, como FNDC, ASTRAL, Frenavatec, Arpub, Amarc, Abccom, ABTU, Fitert, Renajoc, Intervozes, Barão de Itararé, Abraço, MNRC, Sinttel-DF, Fenaj, Sindicato dos Jornalistas do DF e Conselho Curador da EBC.

Depois de dois Fóruns sobre TVs públicas e outro de rádios públicas, este será o primeiro encontro a reunir todos os atores do setor. No encerramento do Fórum será entregue à Presidenta da República a plataforma de reivindicações do Campo Público.

Confira abaixo a programação do Fórum Brasil de Comunicação Pública. As inscrições podem ser feitas em
http://www.camara.leg.br/eventos-divulgacao/evento?id=11191

Programação

DIA 13/11

MANHÃ

9h ABERTURA
10h30 – Painel I: “Regulação do Campo Público”

TARDE

14h – Painel II: “Tecnologia e Infraestrutura do Sistema Público”

16h30 – Grupos de Discussão
1. Gestão e Participação
2. As rádios comunitárias no campo público
3. Canal da Cidadania
4. Rede de Comunicação Pública

DIA 14/11

MANHÃ
9h – Painel III: “Convergências de Linguagens e Conteúdo”

11h – Painel IV: “Financiamento do Sistema Público e Políticas de Fomento para o Audiovisual”

TARDE

14h – Grupos de Discussão
5. Financiamento do Campo Público
6. A situação dos trabalhadores do campo público
7. Conteúdo e diversidade

16h – Plenária Final

18h30 – Entrega da Plataforma dos movimentos à Presidenta da República

Escrito por: Intervozes
Fonte: Intervozes

+Direitos +Humanos: Adolescentes nas aldeias e periferias


Centro RioClarense de Estudos Cinematográficos

TVT Logo CreCExiste algo em comum entre a periferia urbana e a comunidade indígena?

O programa Mais Direitos Mais Humanos desta semana promoveu o encontro entre Jovens Facilitadores de São Paulo que mediam conflitos em uma das regiões mais violentas de São Paulo, o Capão Redondo e a Associação de Jovens Indígenas (AJI) de Dourados/MS que tem como foco a defesa dos direitos indígenas. Um dos principais instrumentos é o teatro.

A banda responsável pela trilha sonora desta edição foi Pitanga em pé de Amora.

Assista agora!

Ver o post original

12ª FIKE Festival Internacional de Curtas Metragens


fikeA 12ª edição do FIKE (Festival Internacional de Curtas Metragens) vai decorrer entre 21 e 25 de Outubro, simultaneamente nas cidades de Évora e Beja – anunciou o director do festival, João Paulo Macedo, nesta segunda-feira, 8 de Setembro.

O FIKE 2014 contará entre outras participações, com Patrícia Casey. A produtora do primeiro filme dos Monty Python, “And Now for Something Completely Different”, de 1971, fará durante o certame, uma Master Class sobre produção cinematográfica.

Este ano, inscreveram-se para a pré-selecção no festival, 1004 filmes, originários de 44 países, sendo a Ficção a categoria mais concorrida, com 533 curtas-metragens. A animação com 179, documentário 265 e 27 filmes de outras categorias. Dos filmes inscritos 136 são primeiras obras de jovens realizadores.

O Prémio D. Quixote, um dos galardões a atribuir novamente, será nomeado por um júri da Federação Internacional de Cine Clubes, cuja rede de festivais parceiros o FIKE integra desde 2003.

FIKE1O FIKE 2014 é promovido, como habitualmente, pela Sociedade de Instrução e Recreio Joaquim António de Aguiar, pelo Cine Clube da Universidade de Évora em parceria com a Estação Imagem e Associação cultural bejense Lêndeas d’Encantar.

Esta 12ª edição tem o apoio do Instituto do Cinema e do Audiovisual (ICA) e da Direção Regional de Cultura do Alentejo / Governo de Portugal, Município de Évora, bem como da Universidade de Évora (UE), que desde a primeira hora vem emprestando o seu valioso contributo.

O FIKE – Festival Internacional de Curtas-metragens, integra-se no projecto IMAGINÁRIOS AO SUL, que engloba o Festival de Teatro de Amadores de Évora, o Festival Raízes do Som e o Festival Internacional de Teatro do Alentejo. Organizados pelo Cineclube de Évora, Sociedade de Instrução e Recreio Joaquim António de Aguiar, a associação cultural bejense Lêndias d’Encantar e a Associação Lua Aos Quadradinhos. Um projecto pluridisciplinar, com atuação nos centros históricos de Évora Beja, que visa aliar novas vivências do património através de actividades culturais, formação de públicos, capacitação e envolvimento de outros agentes com a intensificação de hábitos e prática de consumos culturais. Trata-se de uma iniciativa QREN, apoiada no âmbito do INALENTEJO, cujo investimento ascendeu a 216.415,58 Euros, com um cofinanciamento de 151.490,91 Euros.

Évora, 8 de Setembro de 2014

Assessoria de Imprensa

press@fikeoneline.net