Daniel Díaz Torres falece aos 64 anos em Havana


Daniel Díaz TorresO cineasta cubano Daniel Díaz Torres, que em 1990 dirigiu a controversa sátira política ‘Alicia en el pueblo de Maravillas’, faleceu nesta segunda-feira (16) em Havana aos 64 anos, informou o site oficial Cubadebate.cu.

‘Na madrugada desta segunda-feira faleceu em Havana Daniel Díaz Torres, destacado e multipremiado diretor de cinema cubano, vítima de uma penosa enfermidade’, afirma o Cubadebate a respeito de um câncer.

Ele iniciou a carreira como documentariasta em 1975 e entre 1977 e 1981 dirigiu quase uma centena de edições do noticiário ICAIC Latinoamericano.

Em 1990 dirigiu ‘Alicia en el pueblo de Maravillas’, uma sátira política da sociedade cubana. Também dirigiu os filmes ‘Quiéreme y verás’ (1995), ‘Kleines Tropicana’ (1997), ‘Hacerse el sueco’ (2000), ‘Camino al Edén’ (2007) e ‘Lisanka’ (2009).

Díaz Torres, que ao longo da carreira recebeu muitos prêmios e menções em festivais internacionais, trabalhava desde 1986 na Escola Internacional de Cinema e TV de Havana, segundo o Cubadebate.

Também era membro do Comitê de Cineastas da América Latina e fundador do conselho superior da Fundação do Novo Cinema Latino-Americano.

Prensa Latina.

Anúncios

Um pensamento sobre “Daniel Díaz Torres falece aos 64 anos em Havana

  1. Pingback: Semana de 16 a 22 de setembro de 2013. | Diálogos do Sul

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s